13 de dezembro de 2017

Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

A Reinvenção Pessoal

 A Reinvenção Pessoal – Estratégias para superar os momentos confusos, difíceis e dolorosos de sua vida e carreira (demissões, promoções não alcançadas, desencanto com o trabalho, separações, casamentos, mortes e mudanças de cidade ou país). Em no ssos dias, após o advento da Globalização e Era Digital, esse atributo está se tornando praticamente uma exigência das empresas em seu novo modelo organizacional.

Algumas considerações a respeito.

Tanto as empresas, em seu planejamento estratégico e cultura organizacional, quanto, principalmente, as pessoas se ressentem de uma maior clareza nesse período de mudanças tão vertiginosas. Elas têm sua capacidade de resposta sensivelmente reduzida e tornam-se presas da perplexidade, desencanto e baixa auto-estima.

A palestra procura mostrar como compreender esse novo momento corporativo e a enfrentar os obstáculos que se apresentam nessa transição. Como agir? O que mudar? De que forma? A capacidade de reinvenção pessoal é um atributo veio para ficar, como, por exemplo, a capacidade de superação.

Sugiro que o curso tenha dois dias (pode ser só um também, manhã e tarde)

Como grade, sugiro os quatro módulos a seguir:

Módulo 1
Introdução –  As empresas no mundo globalizado e na Era Digital
Relato sobre a minha multi-reinvenção pessoal (perda de filho, perda de sentido no trabalho, doença, neto órfão e mãe idosa)

Módulo 2
Os Términos – Toda transição começa por um final, que pode ser uma ruptura interior (desencanto com trabalho ou casamento, por exemplo) ou uma imposição da realidade (demissões, mudanças de cidade ou país ou mesmo cargo, separações e perdas). Como encarar os finais sejam de que natureza forem.
Módulo 3
A Lógica das Transições
– Como posicionar-se e reagir a delas.
– Como agir no período em que a transição está em andamento, a chamada zona neutra, em que a pessoa se sente mais perdida.

Módulo 4
O Recomeço e Brainstorm 
– Como reunir, interiormente, os elementos necessários a um novo recomeço.
– Como se reinventar, na pratica, para enfrentar transições delicadas na carreira
– Ouvir os casos dos participantes e discuti-los em grupo
José Ruy Gandra – Formado em Direito (USP) e História (PUC-SP), é um jornalista com passagens marcantes pelo jornal Folha de São Paulo e pelas revistas Veja São Paulo, ExamePlayboy, VIP, Viagem & Turismo e National Geographic Brasil, que editou ou dirigiu. Gandra é um observador admirável da alma, do comportamento e das relações humanas. Em seu best seller Coração de Pai — Histórias sobre a arte de criar filhos narra os impactos e transformações que a paternidade trouxe à sua vida. Seis meses após o seu lançamento, porém, Paulo, o primogênito, faleceu subitamente, aos 28 anos. Gandra transpôs ao livro essa perda e a sua relação singular com seu neto Rodrigo, de apenas oito meses quando da morte do pai, num relato comovente.

José Ruy Gandra – Formado em Direito (USP) e História (PUC-SP), é um jornalista com passagens marcantes pelo jornal Folha de São Paulo e pelas revistas Veja São Paulo, ExamePlayboy, VIP, Viagem & Turismo e National Geographic Brasil, que editou ou dirigiu. Gandra é um observador admirável da alma, do comportamento e das relações humanas. Em seu best seller Coração de Pai — Histórias sobre a arte de criar filhos narra os impactos e transformações que a paternidade trouxe à sua vida. Seis meses após o seu lançamento, porém, Paulo, o primogênito, faleceu subitamente, aos 28 anos. Gandra transpôs ao livro essa perda e a sua relação singular com seu neto Rodrigo, de apenas oito meses quando da morte do pai, num relato comovente.

 

Related posts